História do ABC FUTEBOL CLUBE

ABC ABC FUTEBOL CLUBE
Fundado em 29 de Junho de 1915
End.: Complexo Sócio-Esportivo Vicente Farache
Av. Dep. Antônio Florêncio de Queiroz, S/N
Rota do Sol, Ponta Negra, Natal-RN / CEP: 59018-500
Site oficial: www.abcfc.com.br

 

História

Em 29 de junho de 1915, às 13h, na avenida Rio Branco, na residência do Cel. Avelino Alves Freire – presidente da Associação Comercial do Rio Grande do Norte – , estiveram reunidos, jovens da alta sociedade de Natal. Eles fundariam o primeiro clube de futebol da cidade de Natal. O local serviu de sede da entidade por muito tempo.

Naquela reunião, à unanimidade, foi eleito João Emilio Freire (filho do Cel. Avelino Freire), o primeiro presidente e toda a diretoria do clube. Na mesma ocasião, por proposta do sócio José Potiguar Pinheiro, a nova agremiação adotou, sem discussão, o nome de ABC Futebol Clube.

O conjunto destas tres letras eram as iniciais dos nomes dos paises sul-americanos Argentina, Brasil e Chile. Estes paises assinaram, naquela época, um tratado de amizade fraternal e cujo nome mereceu a sigla ABC. Mais duas decisões foram tomadas naquela histórica reunião: foram adotadas como oficiais as cores preto e branco e também foi homologado o uniforme, com camisa preta e branca, em listras verticais, e calção preto. Além disso, foi aprovada a bandeira oficial do ABC com a seguinte distribuição de cores no sentido horizontal, tres faixas – sendo a superior e a inferior brancas e a do centro preta. O nome clube abreviado ficou assim: ABC F.C – escrito em branco.

 
Embora tenha sido fundado em 1915, o ABC Futebol Clube só adquiriu personalidade juridica a partir de 13 de dezembro de 1927, quando a Liga de Futebol registrou seus Estatutos.

Primeira partida interestadual

“No que diz respeito a jogos contra clubes de outros estados, os arquivos do jornal natalense “A Imprensa” dão conta que a primeira partida interestadual realizada com a presença de um clube potiguar teve lugar às 15 horas, de 15 de novembro de 1916, no campo da Praça Pedro Velho e reuniu o ABC, de Natal-RN, contra o Santa Cruz, de Recife-PE, então vice-campeão pernambucano. A delegação visitante composta de 15 atletas ficou hospedada no Hotel Internacional, no bairro da Ribeira. Antes da partida, o Sr. Henrique Castriciano de Souza, vice-governador do estado, recebeu os atletas das duas equipes para uma “sessão cívica”, no edifício-sede da Associação Comercial. O jogo em si, teve à época, grande repercussão na sociedade natalense, que afluiu em peso para o local do prélio.

Após um disputado primeiro tempo que finalizaria empatado em um gol, o jogo seria vencido pelo Santa Cruz pelo expressivo placar de 4 a 1.O árbitro da partida foi Alberto Roselli, auxiliado por Luiz Potiguar de Oliveira e por Antônio Freire. O ABC Futebol Clube formou com Avelino Alves Freire Filho (Lili), Côr de Rosa e Zé Pinheiro; Arary Brito, Manoel Gomes e Deão (Tarugo); Zé Barreto, Júlio Meira, Zé dos Santos, Alemão e Rochinha. Os reservas eram Bigois, Moura e Aurino. O Santa Cruz Futebol Clube jogou com Ilo, Otávio e Valença, Manoel Pedro, Teófilo Lacraia e Arsênio; Castro, Alcindo, Martiniano Fernandes (Tiano), Fausto e América. Seus reservas: Antonio Almeida, Mário Rosas, Gastão Sá e Manoel Gonçalves. Júlio Meira foi o autor do único gol do ABC. À noite, um grande baile para festejar o encontro foi realizado no Natal Clube.”.

É o mais antigo clube de futebol em atividade no Rio Grande do Norte. Foi criado por um grupo de jovens natalenses em 1915. É o detentor do maior numero de titulos estaduais – 51, ao todo – e entrou para a história como a equipe brasileira com maior tempo de permanencia fora do Pais (100 dias), jogando em gramados da Ásia, África e Europa.

O time alvinegro é detentor do titulo de decacampeão, conquistado no periodo de 1932 a 1941. No Brasil, somente o América Mineiro tem essa sequência. No entanto o ABC conquistou o titulo estadual de numero 50 em 2008.

As Estrelas

Na temporada de 1954, o ABC venceu todas as categorias dos campeonatos organizados pela Liga de Futebol do Estado – infantil, juvenil, aspirante e titular – que são representados no estudo do clube pelas quatro estrelas pequenas. A estrela maior, localizada abaixo da linha transversal, representa os primeiros titulos ganhos por uma equipe de futebol nos estádios Juvenal Lamartine e Machadão.
 

Excursão

Em 1972, quando disputava o Campeonato Nacional, promovido pela CBD – Confederação Brasileira Desportiva, o ABC foi punido com dois anos de suspensão por ter incluido em sua equipe o lateral-esquerdo Rildo sem a devida condição de jogo. Suspenso, a unica saida foi realizar uma excursão no exterior, empresariada por Elias Zarcur. Foram mais de 100 dias jogando em gramados da Europa, Ásia e África. Resultado: 24 jogos, 14 vitórias, 4 empates e 6 derrotas. Veja » Jogos da excursão.

ABC no Guinnes Book – o Livro dos Recordes

O ABC está no Guinness Book por ter vencido dez campeonatos estaduais consecutivos de 1932 a 1941. Feito conquistado anteriormente pelo América Mineiro. Mesmo sendo contestado por torcedores adversários, o clube faz parte do seleto grupo dos maiores vencedores de campeonatos estaduais, sendo inclusive o recordista com 51 títulos.

 Fontes: Arquivo Campeões do Futebol, Futeboldorn.com.br e www.abcnatal.com.br
Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva; Colaboração de Enrique Pazo
(*) Nossos agradecimentos ao Sr. José Bonifacio Freire que cedeu a maioria das informações.

O que achou desse post? Comente!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s